Águas do Ribatejo investe 80 milhões

A empresa Água do Ribatejo (AR) informou que a partir Dia Mundial da Monitorização da Água celebrado ontem, dia 18 de setembro, começaram a ter em funcionamento 50 estações de Tratamento de Águas Residuais nos concelhos de Almeirim, Alpiarça, Benavente, Chamusca, Coruche, Salvaterra de Magos e Torres Novas.

Segundo a empresa, “a maioria das infraestruturas e equipamentos são novos ou foram requalificados nos últimos 10 anos com um investimento na ordem dos 80 milhões de euros financiado por fundos comunitários e capitais próprios da AR”.

O Presidente da AR, Francisco Oliveira, pediu a colaboração do concelho de Almeirim e os restantes distritos com a empresa para ajudar a melhorar a capacidade dos sistemas: “É fundamental que quem tem rede de saneamento aproveite a oportunidade para se ligar aos sistemas. É uma solução segura, amiga dos ambiente e mais económica para os munícipes e para o erário público”.

Os dados da AR concluíram que em 2019 o volume total de água residual tratada nas 49 Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) foi num total de 7.069.654 metros cúbicos. Apesar do resultado, a AR admitiu que desse valor 32 ETAR apresentam uma utilização inferior de 50% da capacidade instalada “o que reforça a necessidade dos munícipes se ligarem às redes de saneamento selando as fossas sépticas existentes”.

O dia Mundial da Monitorização da Água foi criada pela American’s Clean Water Foundation para alertar a população para protegerem os recursos hídricos do mundo.

Mariana Cortez

.