Festa na Raposa deixa rasto de sujidade

A GNR de Almeirim colocou um ponto final numa festa que estava a decorrer na noite desta terça-feira, na freguesia da Raposa. Já hoje de manhã é que se percebeu a sujidade e o rasto que deixaram.

“A junta luta diariamente com os poucos recursos que tem para manter a freguesia limpa e depois vê este cenário. Vem estas pessoas de fora e portam-se desta maneira, ainda dizem que temos que aceitar, também concordo mas primeiro têm que se portar como gente civilizada. Os funcionários também são gente e com o maldito vírus todo o cuidado é pouco”, já disse Cristina Casimiro.

Pelo que O ALMEIRINENSE apurou, que a festa realizou-se na denominada Zona Verde e as pessoas que estavam a participar seriam da zona de Queluz. Numa primeira fase foram advertidos pelo barulho e às 23h20 a GNR terá colocado um ponto final nos festejos que não cumpriam as indicações da DGS nem as normais do ruído.

.