Não há soluções, há caminhos: 6 de julho

O pessimismo é uma doença grave, mas por vezes cura-se. O pessimista anda doente, não vê nada de bom no amanhã e cansa-se das outras pessoas. Há quem ache que ser pessimista é mais inteligente e se ria do optimismo como ingénuo e infantil. O pessimista vê o mundo com a cabeça dominada pela desconfiança. O optimista vê o futuro com o coração e, por isso, como uma oportunidade.
Vasco P. Magalhães, sj
NÃO HÁ SOLUÇÕES, HÁ CAMINHOS
365 vezes por ano não perguntes porquê, mas para quê.

.