Ponte Salgueiro Maia com pórticos a partir de 2021

Pedro Ribeiro e Ricardo Gonçalves já acordaram com o Estado português a colocação de pórticos para atravessar na ponte Salgueiro Maia. Os dois autarcas estiveram nos últimos dias várias reuniões em Lisboa, incluindo uma conversa com António Costa.

Os autarcas não concordavam com a medida, mas o Primeiro Ministro terá convencido Pedro Ribeiro e Ricardo Gonçalves com as compensações. Almeirim reverá receber apoios para pagar todas as obras do IVV e ainda outros apoios para comprar mais terrenos no concelho. Os apoios a Almeirim podem chegar aos 20 milhões de euros.

No caso de Santarém, o Governo vai pagar as obras nas encostas e reduzirá a dívida do município. Estima-se que os apoios serão semelhantes aos dados a Almeirim.

O valor das passagens não está ainda fechado, mas deverá rondar os 5o centimos.

O grande problema para os dois autarcas é que António Costa quer aplicar os pórticos no início de 2021, ano em que se realizam eleições autárquicas.

A Ponte Salgueiro Maia, a segunda maior ponte portuguesa, ligando Santarém a Almeirim, foi inaugurada pelo primeiro-ministro, António Guterres, a 11 junho de 2000. Na cerimónia de inauguração da nova travessia, a mais extensa depois da Vasco da Gama, Guterres esteve acompanhado pelo ministro do Equipamento, Jorge Coelho, e outros membros do Governo, além dos autarcas da região de Santarém.

Como alternativa há a Ponte D. Luís – um dos melhores exemplares da arte do ferro em Portugal -, com a extensão de 1 213 metros e uma altura de 22, começou a ser construída em Abril de 1876 e foi inaugurada em 17 de Setembro de 1881.

A infra-estrutura alterou profundamente as ligações rodoviárias entre as duas margens do Tejo, aumentando a importância de Santarém e da sua região.

.