Não há soluções, há caminhos: 31 de março

“Ama e faz o que quiseres”. Esta famosíssima frase de Santo Agostinho tem que se lhe diga.

É que quem ama, só pode fazer o bem. E querer o bem é muito exigente. Não é “ama e faz o que te apetece”, o que seria uma contradição. É antes: “Se amares de verdade, vais saber escolher o bem e o melhor.”

Vasco P. Magalhães, sj

.