Moradores queixam-se de cães vadios

Um grupo de moradores da Urbanização das Milheiras diz estar preocupado com a presença de uma matilha de canídeos abandonados.

Há cerca de dois meses que vagueiam pela cidade, na Urbanização das Milheiras, uma matilha de canídeos abandonados. “Sucede que, um desses canídeos demonstra sinais visíveis de doença e sofrimento que, ao que se julga, poderá ser sarna”, denunciam.

Os moradores dizem ainda que “há irresponsabilidade e incúria por parte das autoridades responsáveis e competentes”. O canídeo em causa, acrescentam os moradores, fica junto à entrada dos edifícios com sangue e parasitas, o que coloca em causa a saúde dos condóminos e, particularmente, das crianças.

.