25 de novembro

O passado e a história nele forjada jamais deveriam ser esquecidos,cada vez mais faz sentido celebrar as conquistas de abril para que o tempo não apague a memória daqueles que não o viveram. Apesar de que, quem viveu em ditadura é que pode realmente reconhecer totalmente aquilo que é viver em liberdade e democracia,todos nós temos esse dever,o dever de dar valor pela liberdade e democracia outrora conquistada.

Para que se fizesse história em Portugal no dia 25 de Abril, foi necessário para isso acontecimentos como o PREC e o 25 de Novembro, todos determinaram aquilo que somos hoje como país, como sistema partidário e como democracia.Os disparates do PREC jamais poderão apagar os méritos da revolução de abril,alguns são os mesmos, outros, mais democratas, como Salgueiro Maia que se afastaram.

O PREC foi uma vergonha e colocou o momento ao nível do período da ditadura.O 25 de novembro permitiu-nos concretizar a democracia depois de conquistada a liberdade. É por isso que muitas vezes se diz que “se o 25 de abril nos trouxe a liberdade, o 25 de novembro deu-nos a democracia”. Não concordo que apenas celebremos o 25 de abril e se esqueça o PREC e o 25 de novembro.Sim, o PREC também dever ser lembrado para que não se repita,para que não voltemos a cair nesse erro.Bem sei que isso incomoda os “filhos” do PREC, mas é também por isso que importa não esquecer. Para a esquerda portuguesa,celebrar o 25 de novembro é assumir os erros cometidos após a revolução de abril de 74.

Na minha opinião o 25 de Abril não pertence a Esquerda nem a Direita,o 25 de Abril é do povo,dos Portugueses!É o reflexo do esforço coletivo,muitos deles da Esquerda e da Direita,mas também a todos aqueles que,desde então,construíram um novo país com base nos valores de Abril.

Por PEDRO RODRIGUES

.