Não há soluções, há caminhos: 19 outubro

Justificação é, antes de mais, santificação. É Deus que pelo amor de Cristo redentor nos justifica, isto é, nos salva, liberta da banalidade, nos ajusta como pessoas! Esta justificação é a graça e a fortaleza interior que nos “ajusta” a Deus, aos outros e a nós próprios. Ser justo é ser, pois, ajustado ao Bem, isto é ser santo. E ser santo é exercer justiça.
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento.

.