Não há soluções, há caminhos: 14 setembro

Alguém me dizia que a máscara no Carnaval desinibe a pessoa, que até fica mais ela própria. Não me parece tanto! Se muita gente que anda por aí a representar o papel que lhe deram, de político, de ministro ou de empresário, nos dias de Carnaval tirasse a máscara, até provavelmente descobriríamos pessoas interessantes, simpáticas, com quem daria vontade de falar, mas seria uma pena que fossem só uns dias, já que depois voltariam a pôr outra vez a máscara…
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento.

.