Pedro Ribeiro atira-se a GNR e fala em caça à multa

O presidente da Câmara de Almeirim, Pedro Ribeiro, colocou na manhã desta terça-feria, um post na rede social Facebook onde critica a GNR por andar na caça à multa aos agricultores. Leia o post na íntegra.

“Raramente faço comentários como este. Penso que esta será a 2 ou 3 vez em cerca de 20 anos. Tenho recebido informação variada, alguma dela que inclui fotos de multas passadas pela GNR, penso que militares pertencente à Unidade Nacional de Trânsito. Multas a agricultores durante a campanha do tomate. Multas que estão a colocar em causa, segundo informação, o funcionamento de algumas fábricas por falta de matéria prima. Este ano é fundamental para este setor. Após vários anos de perda este pode inverter e com isso salvar muitos agricultores da falência. Um setor que emprega milhares de pessoas no Ribatejo e representa milhões e milhões em exportações. Como referi não costumo fazer comentários públicos a este tipo de iniciativa, mas multas por matrículas sujas é no mínimo excesso de zelo. É com certeza legal mas tem um nome. “Caça à multa”. Isto não é prevenção, é apenas estatística. Tudo o que ponha em causa a segurança rodoviária deve ser alvo de penalização. Peso a mais, molho, tomate a cair. Agora matriculas sujas, “cercos” a fábricas etc é imoral. Há ações, apesar de legais, apenas reforçam o sentimento contra quem as pratica. Estou à vontade para falar. Enquanto autarca tenho feito tudo o que posso para dotar as forcas de segurança de melhores meios. Para os defender muitas vezes de criticas injustas. Temos feito muito mais do que nos exigem as nossas competências. Por tudo isso tenho “moral” para esta critica. Que me entristece mas que tem de ser pública.”

.