Não há soluções, há caminhos: 16 de julho

Quando toda a natureza desabrocha, faz bem pensar no simbólico, que é esse animalzinho chamado caracol, só anda quando sai da casca. Se o medo do frio ou dos outros o encolhe lá dentro, parece morto, mas se o sol e o resto o estimulam e o fazem correr o risco, então começa a deslocar-se. Vai no seu ritmo, de mochila às costas e não precisa de mais do que isso. Quem não arrisca, arranja e sonha com um grande refúgio em que se imagina em paz, mas está a deixar passar a vida ao lado…
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento.

.