Viver o Tejo: 7 anos a promover a hotelaria e turismo da região

A especificidade do setor do turismo e a necessidade de afirmação do Ribatejo enquanto destino turístico levou a NERSANT – Associação Empresarial da Região de Santarém a criar, em 2012, a marca Viver o Tejo, projeto que integra num portal a oferta turística da região ribatejana, promovendo a dinamização das diferentes economias locais e da economia regional com o rio Tejo como agente precursor. Em julho, assinalam-se 7 anos da criação da marca.


Com origem no Provere Mercados do Tejo, projeto financiado à data, a NERSANT criou em 2012 a marca Viver o Tejo, com o objetivo de dinamizar a economia da região em torno do setor do turismo. Registada a marca, a associação logo decidiu criar um portal de apresentação das inúmeras oportunidades da região, mas também onde as empresas que aqui prestam serviços – as do setor da hotelaria e turismo, mas também de outras atividades associadas – se pudessem dar a conhecer.


Para além da criação do portal, muitas outras ações – grande parte delas de participação gratuita – têm sido promovidas ao longo dos anos pela NERSANT ao abrigo da marca Viver o Tejo e que têm como objetivo alcançar os objetivos delineados para o projeto.


Descidas de canoas e passeios pedestres, challengers, provas de karting e orientação foram algumas das atividades de desporto-aventura realizadas pela marca, que contaram com a participação de centenas de pessoas.
O projeto realizou ainda um encontro internacional, o International Meeting Viver o Tejo, promoveu a realização da iniciativa Estrelas do Médio Tejo, que elegeu as “maravilhas” desta região, e do concurso de fotografia – outra perspetiva. A marca apoiou ainda o cruzeiro dos Avieiros e do Tejo.


7 anos se celebram em julho da criação da marca Viver o Tejo. O projeto continua a ser dinamizado pela NERSANT com os mesmos objetivos: promover o turismo no rio Tejo e no Ribatejo, atrair turistas e visitantes, valorizar e dinamizar as zonas ribeirinhas e os espaços envolventes, na sua vertente natural, patrimonial, cultural e económica, identificar e qualificar a oferta turística da região e promover ofertas integradas, promover o desenvolvimento sustentável e a preservação dos elementos históricos e culturais e aumentar a competitividade de todo o território.


A adesão ao projeto e à marca Viver o Tejo continua válida e ativa para quem pretenda defender este território ímpar e fazer parte do portal www.viverotejo.pt. Basta às empresas do setor que entrem em contacto com a NERSANT através dos contactos geral@viverotejo.pt. O portal conta neste momento com cerca de 230 empresas representadas.

.