Arte Urbana

Em 2015 surgiu em Almeirim a primeira pintura de parede de arte urbana, no Largo Manuel Rodrigues Pisco, com o apoio da Câmara Municipal. Na época, foi afirmado pelo Presidente,em reunião de Câmara, que caso corresse bem, a ideia poderia ser alargada a outros locais, algo que a CDU apoiou. Considerámos até que devíamos promover um concurso de ideias, possibilitando vários artistas concorrerem, traduzindo-se em mais espaços ocupados com outras visões artísticas.
Estamos em 2019, a arte urbana tem sido cada vez mais um motor da economia local, impulsionado pelas novas dinâmicas criadas nos concelhos que apostaram na divulgação desta arte. Loures é disso um exemplo com a realização de quatro festivais internacionais com mais de 400 artistas e com a transformação de um bairro problemático numa galeria de arte urbana, que passou a atração turística. Também no concelho de Almeirim, mais propriamente na freguesia de Benfica do Ribatejo, temos obras que merecem ser apreciadas, pela divulgação que fazem de temas ligados à nossa terra e outros mais abstratos, mas que pelo conjunto revelam um dinamismo cultural interessante. Como na cidade de Almeirim não surgiu mais nenhum exemplo de arte urbana, poderemos pensar que afinal a experiência não correu assim tão bem! Ou será que é apenas falta de visão para apostar em novas experiências culturais?

Sónia Colaço

.