Almeirim entra na rede de apoio ao autocaravanismo e vai ter estação

Uma rede de apoio ao autocaravanismo, constituída por 39 estações de serviço localizadas em 27 concelhos do Alentejo e do Ribatejo, vai começar a “nascer” este ano, fruto de um investimento de cinco milhões de euros.

Promovido pela Entidade Regional de Turismo (ERT) do Alentejo e Ribatejo, em parceria com 27 municípios das duas regiões, o projeto foi apresentado hoje em Évora, numa cerimónia que contou com a presença da secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho.

“É um projeto marcante” que mostra que “o Alentejo e o Ribatejo estão a dar cartas”, afirmou a governante, após a assinatura dos contratos de financiamento da Linha de Apoio à Valorização do Turismo Interior, do Turismo de Portugal.

O projeto, que envolve a criação e requalificação de 39 estações de serviço, tem um prazo de execução de 17 meses e envolve um investimento global de cinco milhões de euros, dos quais cerca de 2,1 milhões de euros são comparticipados pelo Turismo de Portugal.

A rede integra os municípios de Alandroal, Almeirim, Almodôvar, Alter do Chão, Alvito, Avis, Beja, Borba, Cartaxo, Castelo de Vide, Coruche, Crato, Ferreira do Alentejo, Gavião, Grândola, Mértola, Monforte, Moura, Mourão, Odemira, Ponte de Sor, Portalegre, Rio Maior, Serpa, Vendas Novas, Viana do Alentejo e Vila Viçosa.

A estação de Almeirim deverá ficar junto ao centro coordenador de transportes.

.