Não há soluções, há caminhos: 11 março

Sentir-se bem não é o mesmo que estar bem! Pode haver bem-estar sem haver paz interior, profunda. Esta depende mais de viver com sentido, de forma construtiva e virada para os outros do que de não ter problemas ou de ter vida fácil. Há o perigo de procurar soluções de superfície que duram um tempo efémero e depois desses momentos ficar pior. Há que pôr-se a caminho, acertando as prioridades, os valores e os compromissos. Daí vem a paz, mesmo na adversidade.
Vasco P. Magalhães, sj
ONDE HÁ CRISE, HÁ ESPERANÇA
Um pensamento para cada dia: ver em tudo o que acontece uma oportunidade de crescimento.

.