Nova rubrica: Por onde anda… Joana Vidinha

Joana Vidinha foi vereadora do executivo socialista na Câmara de Almeirim e vive no Algarve.

O que é feito da professora aposentada e da antiga vereadora?

A Joana Vidinha, professora aposentada e ex vereadora, está a viver no Algarve e feliz. Vivo a minha vida de forma pacata mas preenchida.

Há quantos anos está a viver fora de Almeirim?

Estou a viver fora de Almeirim há nove anos.


Sente saudades da nossa terra e dos almeirinenses?

Sem dúvida que sinto saudades da terra e dos almeirinenses. Não poderia deixar de ter saudades de um local onde fui feliz e que me deu tantas alegrias. Onde me senti realizada, tanto a nível da minha profissão, como a nível da atividade política. Deixou-me muita saudade.


Porque decidiu mudar a sua vida por completo?

A minha vida mudou radicalmente: passei de uma vida totalmente preenchida e sem horários para uma vida livre, com tempo para mim.
A forma como saiu da política contribuiu para esta mudança? De forma alguma. Saí porque há momentos da nossa vida que sentimos que demos tudo de nós e que estava na altura de mudar o cenário… Era altura da mudança!
Além de que toda a minha vida pessoal e familiar foi muito abalada. O suicídio do meu irmão, que me transtornou por completo, e tudo o resto….
Em 2009 saiu magoada?! Saí muito magoada em 2009… não pelo facto de estar fora das listas, mas porque senti que todo o meu trabalho e dedicação à cidade e almeirinenses não foi valorizado.

Achava que ainda hoje daria uma boa vereadora?

Hoje? Não! Até porque após esta longa interrupção acomodei-me demasiado e a vida de vereadora era extremamente absorvente. As pessoas rapidamente esqueceram tudo o que fiz para bem da população em geral. Aqui quero recordar a alguns mais esquecidos que fui “a mãe” das Festas da cidade… Evento que perdura até aos dias de hoje. Também aqui quero reafirmar que, na altura, o meu desejo não era continuar como vereadora, mas sim com grande necessidade de uma mão amiga do sr. Presidente para ultrapassar os momentos difíceis que estava a viver (e ele bem o sabia). Felizmente vim para o Algarve e até hoje não deixei de trabalhar um dia. Era o que mais necessitava… Um trabalho, que me foi sempre recusado pelo Presidente da altura (que Deus o tenha em descanso) para aceder a outros pedidos particulares, tratando com frieza e desumanidade a minha situação do momento.

E da escola, tem saudades?

Da escola?…. Morro de saudades… Dos meus meninos… Da minha escola… Das minhas auxiliares… Dos meus colegas…. Nada os irá nunca substituir (escola onde lecionei 28 anos).

Como avalia o trabalho do atual presidente?

Na verdade, não posso deixar de felicitar o atual Presidente porque tem feito um trabalho meritório para o desenvolvimento da cidade. Aqui tenho que dar a mão à palmatória…. Superou as minhas expectativas.

Que visão tem, à distância, de Almeirim?

Das poucas visitas que faço a Almeirim, porque pairo mais por Santarém, a cidade em si, aparentemente, desenvolveu-se pouco mas não deixo de apreciar todo um trabalho que tem sido desenvolvido pelo Presidente Pedro Ribeiro.

.