Não há soluções, há caminhos: 30 setembro

Fala-se de temor para além do amor. E há quem diga que é importante. Uma coisa é ter medo, outra é experimentar o temor, isto é, o cuidado com alguém. Não lhe querer fazer mal, ter temor de que sofra, estar atento para que nem eu lhe faça mal, nem nada lhe aconteça. Não é ter medo de Deus, é não querer estar mal com Ele e saber que sou fraco. É pôr os meios para não quebrar a relação.

Vasco P. Magalhães, sj

.