Estreia num baile de Carnaval com Manuel Neves

MÚSICA Jorge Paulo Marques é assessor de vendas automóvel no Grupo Entreposto e há 19 anos, músico e vocalista. A primeira atuação foi com Manuel Neves num baile de carnaval.

Jorge começou a mostrar gosto pela música quando, muito jovem, andava quase sempre a cantar. Nessa altura participava em excursões a vários sítios, tais como praias, santuários, museus etc, e “nessas excursões pediam-me sempre para cantar umas músicas e com muito gosto estava sempre pronto para fazê-lo, assim comecei a ver que as pessoas gostavam de me ouvir cantar”, começa por descrever a O Almeirinense.

Ainda muito jovem integrou a Banda Filarmónica de Muge onde teve aulas de solfejo e aprendeu a tocar requinta e clarinete, aqui teve a oportunidade de enriquecer os seus conhecimentos musicais durante vários anos. Depois, o pai alimentou o gosto: “o meu pai que sempre gostou muito de música, comprou-me um órgão, na altura ainda com motor a ar e só com um som onde aprendi a minha primeira música (o bailinho da madeira).”

A primeira vez que Jorge Paulo Marques subiu a um palco foi num baile em Muge onde estava, na altura, a atuar um conjunto muito famoso que se chamava Manuel Neves + 3; aí Jorge teve “a oportunidade de cantar pela primeira vez num palco: recordo-me que era um baile de Carnaval e que estava super nervoso.” Foi mais um passo para “depois de aprender umas músicas começar a tocar e cantar em aniversários, matanças de porco e para algumas festas particulares. Nessa altura, o meu pai tinha as cassetes de vários conjuntos musicais, inclusive Manuel Neves + 3 e também de fado de vários fadistas”, conta. Jorge sublinha também que “a área em que me sinto mais confortável a cantar é a música popular portuguesa, mas também canto música Brasileira, Africana, Espanhola, Fado, etc”.

Por vezes é difícil ao assessor de vendas conciliar “mas quando se tem força de vontade tudo é possível. Durante o ano, várias vezes não tenho tempo para descansar, muitas vezes nem chego à cama, mas até ser possível, vou manter estas atividades em simultâneo”, revela o cantor que arrastou a família para a música: “A minha esposa começou a ir aos meus bailes e também ficou com o gosto pela música. Depois de dois anos de namoro resolvemos formar o Duo Jorge Paulo e Susana 1997”.

.