Não há soluções, há caminhos: 9 de março

Poderei fazer deste dia um dia melhor? “Impossível!”, pensarão logo alguns. Há pessoas com um catálogo de impossibilidades tão grande: “porque o tempo, porque o ordenado, porque o trânsito…”
Nem percebem como é possível ir vivendo. E como está o meu catálogo? Que lista é maior: a das possibilidades ou a das impossibilidades?
NÃO HÁ SOLUÇÕES, HÁ CAMINHOS 365 vezes por ano não perguntes porquê, mas para quê.
Vasco P. Magalhães, sj