Outras Músicas… – 15 de abril

No outro dia, uma pessoa falava-me da Banda Marcial de Almeirim ser das instituições mais antigas do concelho e de ter tido um passado glorioso que hoje em dia pode estar “abafado” por uma sociedade que liga cada vez menos à cultura mais tradicional, permitam-me esta expressão.

A Banda foi fundada em 21 de maio de 1931, mas deve-se remontar o seu historial ao século XIX, então sob a designação de Banda Marcial Almeirinense, que registou como maior momento de glória a consagração como melhor banda do festival organizado em 1895, por ocasião do VII Centenário do Nascimento de Santo António de Lisboa, mas que vicissitudes várias levaram à extinção, em 1908; sob qualquer das designações alternou períodos de maior atividade com outros de menor relevo, muito em função do número e qualidade dos seus executantes, tendo participado em inúmeras atividades, desde romarias a encontros musicais, merecendo particular destaque entre as iniciativas de carácter cultural, o relançamento dos cortejos carnavalescos e entre as de carácter exclusivamente musical, a participação no I Festival de Bandas promovida pela EDP, em 1985.

Após o grande esforço realizado em 1997, traduzido na aquisição das atuais instalações (Largo dos Charcos, junto à Casa do Povo de Almeirim). Agora pode ser um período de mudança, mas não se deve esquecer o passado…

Valter Madureira