O desporto como promoção da marca Almeirim/Sopa da Pedra

A Câmara de Almeirim apresentou recentemente um esboço de um Plano de Valorização Turística para o concelho. É uma iniciativa que à partida merece o aplauso de todos e sobre a qual é importante o envolvimento das forças vivas do concelho para que não se critique depois de estar fechado, embora deva ser sempre um documento em aberto.

Para já deixar apenas a nota que, mais uma vez, através do site da autarquia não é possível obter qualquer informação sobre como participar ou consultar o que existe. Ou se existe está bem escondida. (Verificado dia 14/11 pelas 10h30, quatro dias depois da apresentação).

Posto isto, e não apenas enquanto almeirinense mas também enquanto dirigente desportivo no concelho, acredito que o turismo desportivo deve ser um dos pontos-chave deste documento. É aliás visível nas redes sociais do nosso executivo, que a presença em eventos desportivos é fortemente valorizada pelos próprios, devendo por isso criar-se mecanismos de valorização desses eventos para que as mais-valias da cidade captem mais pessoas para esses eventos e, por outro lado, para que as pessoas que se deslocam habitualmente para participar nesses eventos consigam descobrir mais a cidade.

Assim, deve este sector em específico ser alvo de uma maior cooperação entre clubes e organismos para que se possa ganhar escala na promoção do concelho nos eventos desportivos promovidos pelas associações. Isto é, a autarquia deve ser a plataforma de cooperação entre todos para que através dela se consiga negociar com patrocinadores, parceiros e mecenas, para que os nossos eventos desportivos sejam verdadeiros ícones de promoção do concelho e sejam valorizados nos calendários nacionais das respectivas modalidades.

É assim ponto base valorizar a marca Sopa da Pedra no turismo desportivo. Todos os eventos desportivos devem estar ligados ao principal motor económico do concelho. A criação de folhetos promocionais da restauração local e das mais-valias do concelho para distribuição a atletas, treinadores e acompanhantes, a oferta de descontos na restauração local em eventos desportivos são pequenos detalhes que mostram o essencial: já que cá está, descubra, aproveite, desfrute da nossa cidade.

Outro papel da autarquia deve ser o apoio à promoção dos eventos, melhorando o instrumento que existe já que é a newsletter desportiva, ligando-a às redes sociais, para que a cidade possa ir descobrindo as plataformas dos diferentes clubes e assim ficar a conhecer mais sobre eles e apoiando na criação de conteúdos, nomeadamente vídeo e fotografia, essenciais para a promoção dos eventos e cujos recursos técnicos e humanos estão ainda longe de estar à disposição de todos os clubes. Por exemplo, quando tudo isto estiver bem oleado é viável a criação de uma plataforma online de promoção do Desporto em Almeirim.

Por fim, a valorização de atletas, técnicos e outros agentes do desporto municipal deve crescer tendo também no município a sua plataforma principal. É essencial que todos os atletas que participem em eventos desportivos fora do concelho transportem consigo o nome de Almeirim, seja nos veículos, seja nos equipamentos e deve a autarquia garantir que isso acontece, devendo também aqui apoiar os clubes em obter preços mais vantajosos para os clubes, ou criando uma série de materiais desportivos comuns às modalidades e genéricos que promovam apenas a marca Almeirim/Sopa da Pedra.

Num concelho onde o desporto é um dos principais dinamizadores da população, onde mesmo sem uma aposta clara na alta competição surgem atletas que garantem grandes resultados em campeonatos nacionais, europeus e mundiais e que é recorrentemente palco de competições regionais, nacionais, europeias e mundiais, deve assim a autarquia criar uma plataforma integrada de valorização, para que os clubes não se reúnam apenas para discutir espaços ou financiamento, mas sim uma forma de todos nos valorizarmos.

Miguel Dias
Estudante de Jornalismo
Vice-Presidente da Secção Ténis da Associação 20kms de Almeirim

 

.