Fazendas faz frente ao Entroncamento: Batata doce chega aos 11 Kg


“Não foi a primeira vez que vi batata doce tão grande, tenho apanhado batatas com 1kg ou 2kg mas assim tão grandes não tinha visto”, a descrição é feita por António Calado ao Jornal O Almeirinense.

As batatas doces foram nos camalhões dos morangos e deram este resultado.

Ainda não está definido quando é que as estranhas batatas, que cresceram numa horta nas Fazendas de Almeirim, vão ser comidas mas “talvez no Natal a acompanhar a ceia de Natal…”, conta o produtor.

A mais pesada chega aos 11,6 Kg.

O fenómeno de António Calado e das batatas doces acontece poucos dias depois de no quintal de Manuel Vieira Escrevente terem crescido  duas pêras com quase um quilograma cada. Uma pesa 950 gms (na imagem) e há uma outra com pouco mais de 800.

“Não há cuidados especiais com esta árvore. Só achei estranho aguentar-se tanto na árvore”, descreve Manuel Vieira ao nosso jornal. Agora, o proprietário de tão estranho acontecimento, está na dúvida se deve guardar ou comer as (estranhas) pêras.

A mulher de Manuel Vieira chegou a trabalhar na antiga CACER e acham que estão perante pêras passe crassane. A Passe-Crassane consiste num híbrido do marmelo, desenvolvido na Normandia. Esta variedade é mais dura e granulosa que as suas parentes puras e mais moles.

.