Obras podem fechar escola Moinho de Vento no novo ano letivo

A Escola Moinho de Vento vai começar a ser requalificada antes do início do novo ano letivo e isso pode levar a que seja necessário ter a escola fechada algum tempo, sendo os alunos, provisoriamente, colocados noutros espaços.  A autarquia pretende que, se isso acontecer, que seja no espaço mais curto possível de tempo, para que os transtornos para os pais e comunidade escolar seja reduzida ao mínimo.

As obras podem começar ainda em julho, pois a obra está já em fase de concurso público.  O Jornal O Almeirinense sabe que a Escola Moinho de Vento será a primeira a ser intervencionada, mas o objetivo é requalificar as Escolas de Cortiçóis, Benfica, Paço dos Negros, Moinho de Vento e a parte exterior do Canto do Jardim, vulgarmente conhecida como P3.  O custo de todas as obras rondam 1,5 a dois milhões de euros e só quinhentos mil devem ter financiamento, pelo que não será tudo feito no imediato.  A intervenção na Escola Moinho de Vento é profunda nos pátios, casas de banho, iluminação e telhados e poderá custar 400 mil euros.

.