Crise Tigres: Atual Presidente sem tempo para decidir se é recandidato

Manuel Godinho apresentou a demissão no passado dia 26 de fevereiro e não existe quórum pelo que têm que ser marcadas eleições em breve no HC Os Tigres.

O antigo dirigente diz apenas que apresentou a demissão por “não concordar com a forma como o clube está a ser gerido”, dando mais detalhes apenas na Assembleia Geral.

Os estatutos dizem que as eleições têm que ser marcadas um mês depois deste pedido de demissão.

O Presidente da Assembleia Geral diz que vai marcar até final de março a reunião de sócios.

Luis Batista, Presidente em exercício, diz que ainda não decidiu se vai ou não a votos, pois está muito focado na gestão corrente do clube.

Podem existir outras candidaturas, mas para já sem formalização oficial. As listas podem ser entregues até ao momento da votação.

.