Criança de cinco anos acusa pais de agressão. CPCJ reage

Uma criança com cinco anos foi encontrada, por um reporter de O Almeirinense, à beira da estrada e acusava os pais de a terem agredido.

A criança estava sentada no passeio com a cabeça baixa, perto do Largo General Guerra. Abordada por um repórter de O Almeirinense, a criança pouco falava, mas disse que tinha saído de casa (perto do bar CV) depois de ter sido agredida pelos pais.  Perante a situação, foi o repórter que chamou a GNR e ficou à espera que os militares chegassem e tomassem conta da ocorrência.

A GNR, depois de alertada pelo nosso jornal, comunicou o caso à Comissão de Protecção de Crianças e Jovens.

A Comissão já contactada, esta terça-feira, pelo O Almeirinense diz que “a sinalização chegou-nos via GNR e que se encontram a decorrer diligências  desenvolvidas por esta CPCJ de acordo com a Lei, no sentido de salvaguardar os Direitos e o Superior Interesse da Criança”.

.