Nova residência do CRIAL esgotada. Instituição estuda avançar com nova obra de um milhão

As obras da residência CRIAL ainda não estão terminadas, mas já está esgotada. 

Na primeira fase, a residência irá ter capacidade permanente para 16 pessoas e já há alunos. A instituição terá mesmo pedidos num número bastante superior e pode avançar, a médio prazo, para uma nova obra. 

A ideia ainda é recente e depende nos apoios comunitários nesta área, no entanto ao nosso jornal, o Presidente do CRIAL admite que "poderá haver uma nova candidatura de aproximadamente um milhão de euros para aumentar a residência".

Espera-se que as obras agora em curso estejam terminadas entre junho e julho.  

.